26 de novembro de 2020

Vereador eleito pode ter mandato cassado por compra de votos em Campos Novos

 


Atualiza em 26/11/2020 às 19h


Está sendo apurada pela Polícia Civil de Campos Novos, suposta denúncia de irregularidades cometidas durante o período das eleições municipais, entre elas compra de votos. De acordo com Delegado Luís Eduardo Machado Córdova, a denúncia envolve ao menos um vereador eleito no dia 15 de novembro no município.

O nome do vereador não foi divulgado, pois os caso está sob sigilo de justiça. Caso a denúncia seja procedente, será encaminhada ao Ministério Público Eleitoral (MPE) em até 30 dias e o vereador será julgados pelo Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (TRE-SC). 

Se comprovado que houve compra de votos, os investigados podem ser indiciados por corrupção eleitoral, com pena prevista de até quatro anos de prisão, além de multa. Os vereadores também correm o risco de perder o cargo.


Errata

O caso ainda não foi encaminhado ao Ministério Público Eleitoral (MPE) da 7ª Zona Eleitoral de Campos Novos, como informado anteriormente. E a princípio seria um vereador investigado, não três.



Comentários
0 Comentários