16 de agosto de 2021

Cabanha Ponche Verde completa 40 anos de história

 

Jair Noriler e a esposa Arlete Foto: Jornal O Celeiro/Arquivo

A Cabanha Ponche Verde completou nesse domingo dia 15 de agosto, 40 anos de história. Localizada na Comunidade do Ibicuí, a cabanha hoje é referência na criação da raça bovina Charolês e na raça de ovinos Hampshire Down.

 

De acordo com o dirigente da cabanha, Médico Veterinário Jair Noriler, a cabana iniciou suas atividades de seleção genética de bovinos da Raça Charolesa e Ovinos Hampshire Down oficialmente em 15 de agosto de 1981 quando efetuou o primeiro registro de um animal no Herd Book Collares.

 

“Com objetivo de ofertar aos criadores da região animais diferenciados direcionou investimentos em tecnologias de produção que lhes garantiram um share de mercado importante. A importação dos melhores sêmens de Charoles e acasalamentos cuidadosamente estudados resultam em touros funcionais altamente produtivos”, ressalta o médico veterinário.

 


No Hampshire foram feitas importações de material genético da Nova Zelândia, Canadá e Argentina. Em busca de conhecimento e material genético Jair Noriler visitou a Espanha, os Estados Unidos e a França, berço do Charoles além dos países do Mercosul como o Uruguai e Argentina de onde se importou excelentes carneiros.

 

Confome o médico veterinário, o investimento no treinamento de mão de obra especializada e uma constante. “A preservação da natureza na propriedade é levada a sério, pois só uma produção sustentável garante o equilíbrio das atividades”, observa Jair.

 

“A cabanha não busca do conquistar clientes, mas transformá-los em amigos mantendo a fidelidade. Alguns criadores adquirem reprodutores há 30 anos da cabanha e chegam a solicitar novas linhagens é assim a cabanha produz touros e carneiros “ por encomenda “.  Conquistar e manter a confiança dos clientes continua sendo prioridade sempre para a Ponche Verde”, enfatiza Jair Noriller.









Comentários
0 Comentários